Estados do Sul dos EUA registram recordes de mortes por covid-19


Alabama, Flórida e Carolina do Norte registraram aumentos diários recordes nos números de mortos pela covid-19 na 3ª feira (14.jul.2020), dando seguimento ao 1º aumento nacional de mortes pela covid-19 nos Estados Unidos desde meados de abril, depois que alguns estados reabriram os negócios durante a pandemia.
O número de novos casos informados diariamente nos EUA começou a aumentar há cerca de 6 semanas, especialmente em estados do Sul e Oeste, como Arizona, Flórida e Texas, que foram os primeiros a flexibilizar as restrições que causaram grandes perdas de empregos, mas também ajudaram a controlar a propagação do vírus.

Em 46 dos 50 estados norte-americanos teve aumento de casos  na semana passada, de acordo com análise feita pela Reuters. Até o momento em julho, 28 estados registraram aumentos diários recordes de novos casos.

Com mais de 3,3 milhões de casos, os Estados Unidos têm 1 dos maiores números per capita do mundo. Com mais de 135 mil mortes, o país está em 7º lugar em entre os 20 países com mais casos.
Na 2ª feira (13.jul.2020), a Flórida registrou 133 novas mortes pela covid-19, aumentando o número total de óbitos no estado para mais de 4.500. O crescimento do recorde diário anterior era de 120, em 9 de julho. O Alabama registrou aumento recorde de 40 mortes e a Carolina do Norte, de 35, elevando o total de cada estado para mais de 1.100.
O vice-presidente dos EUA, Mike Pence, visitou o estado de Louisiana, que registrou quase 13.000 novos casos na semana passada. O procurador-geral do estado, Jeff Landry, anunciou que havia seu teste deu positivo para o covid-19 e não encontraria Pence quando ele chegasse, de acordo com relatos da imprensa, mencionando 1 e-mail que Landry enviou aos seus funcionários.

Postar um comentário

0 Comentários

×