Brasil registra 1 morte por minuto e chega a 34 mil mortes por Covid-19


O Ministério da Saúde divulgou nesta quinta-feira (4) que 1.473 óbitos causados pela Covid-19 foram registrados no Brasil em 24 horas, recorde pelo terceiro dia consecutivo. Agora o total é de 34.021 mortes motivadas pela doença. A alta corresponde a um crescimento de 4,3 %. Dos óbitos, 366 foram nos últimos três dias.
Com esse número, o Brasil ultrapassa a Itália e se torna o terceiro país com mais mortes no mundo. O país europeu tem 33.689 óbitos registrados até o momento.

O número de mortes em 24 horas equivale a uma morte por minuto, já que 24 horas têm 1.440 minutos.


Ainda de acordo com o Ministério da Saúde, os novos casos confirmados de contaminação pelo novo coronavírus (Sars-CoV-2) no Brasil são 30.925, totalizando 614.941. O aumento foi de 5 %. A taxa de letalidade permanece em 5,6 %.
Pelo segundo dia consecutivo, Ministério da Saúde atrasou a divulgação do boletim epidemiológico. O mesmo problema ocorreu ontem, ao qual a assessoria de imprensa chamou de "problemas técnicos". Na tarde de hoje, jornalistas cobraram em um grupo de WhatsApp por uma previsão de horário de divulgação, mas não houve resposta.
O Jornal Nacional anunciou os números que levantou com Secretarias Estaduais de Saúde , devido a falta dos dados da pasta. O apresentador William Bonner afirmou que o telejornal apresentará ao público sua própria apuração.
No levantamento da pasta da última terça-feira (3), o número de óbitos chegou a 32.548, com recorde de 1.349 registros em 24 horas . Já a quantidade de pessoas com a Covid-19 saltou para 584.016, sendo que o aumento foi de 28.633.
São Paulo continua sendo o estado que tem mais mortes, com 8.560 ocorrências. O Rio de Janeiro fica em segundo lugar, com 6.327 mortes.
São Paulo também segue na liderança em número de casos, com 129.200 infectados pelo novo coronavírus. O estado do sudeste é seguido por Rio de Janeiro (60.932), Ceará (59.795), Pará (48.049) e Amazonas (46.473).


O estado menos afetado é o Mato Grosso do Sul, que tem registro mantido em 20 mortes e 1.925 casos confirmados de Covid-19 desde o início da pandemia.
Ainda segundo o Ministério da Saúde, 325.957 pacientes com Covid-19 estão em acompanhamento, 254.963 estão recuperados e 4.519 óbitos ainda estão sob investigação.

Postar um comentário

0 Comentários

×