Um tigre contraiu coronavírus em Nova York


Uma tigresa-malaia de 4 anos de idade que vive no Zoológico do Bronx, em Nova York, tornou-se o 1º caso conhecido no mundo de 1 tigre a contrair o novo coronavírus. Também é o 1º caso conhecido de 1 animal com o vírus nos Estados Unidos.
A tigresa começou a apresentar sintomas respiratórios em 27 de março. A suspeita é que 1 funcionário do zoológico – infectado com o vírus, mas assintomático – tenha transmitido o patógeno para o animal. O local está fechado para o público desde 16 de março.

O zoológico enfatizou “não haver evidências de animais desempenhem 1 papel na transmissão da covid-19 para humanos, a não ser no ocorrido inicialmente no mercado de Wuhan, ou de que pessoas nos EUA tenham sido infectadas por animais, incluindo cachorros e gatos domésticos”.
Outros casos de covid-19 em animais foram documentados pelo mundo. Na Bélgica, 1 gato doméstico testou positivo para o coronavírus, assim como 2 cachorros em Hong Kong. Não foram reportadas mortes de animais em decorrência do vírus.

Postar um comentário

0 Comentários

×