Breaking News

Economia da China despenca 6,8% no 1º trimestre


A China registrou retração nos 3 primeiros meses do ano pela primeira vez em décadas. A 2ª maior economia do mundo viu seu PIB (Produto Interno Bruto) encolher 6,8% de janeiro a março, consequência direta da pandemia de covid-19, que teve no território chinês seu epicentro.
A retração é a maior para 1 único trimestre ao menos desde 1992, quando o governo chinês passou a divulgar o dado com essa periodicidade. De janeiro a março deste ano, as vendas no varejo caíram 15,8%, enquanto os investimentos tiveram redução de 16,1% no mesmo período.
A China viu fábricas, lojas e diversos estabelecimentos fecharem as portas ao longo de janeiro e fevereiro, quando a covid-19 ganhou maiores proporções no país. As medidas de isolamento social começaram a ser retiradas com maior vigor somente no fim de março.
Atualmente, o surto da doença que infectou 84.918 pessoas e matou ao menos 4.632 no país asiático é considerado controlado. A China não registrou nenhum novo caso da covid-19 nas últimas 24 horas.

Postar um comentário

0 Comentários

×