Com mais de 750.000 casos, EUA faz planos para a reabertura


A desaceleração do número de novos casos e de mortes nos Estados Unidos tem feito alguns governadores ao redor do país fazer planos para uma reabertura gradual das atividades e um relaxamento das medidas de quarentena.
Nesta segunda-feira, o estado do Texas passará a permitir que as pessoas voltem a frequentar as praças e parques durante o dia, desde que estejam usando máscaras e mantenham uma distância umas das outras. O estado é um dos maiores e mais populosos dos Estados Unidos, com 29 milhões de habitantes, e já registrou 19.000 casos da covid-19 e 488 mortes.
Os Estados Unidos são o país com o maior número de casos de covid-19 no mundo. Mais de 759.000 pessoas tiveram o diagnóstico confirmado no país até o domingo, segundo o levantamento da Universidade Johns Hopkins. Ao todo, 40.500 pessoas já morreram no país vítimas da doença.
Em 45 dos 50 estados americanos – que representam 95% da população do país –, os governos ordenaram que as pessoas ficassem em casa e saíssem apenas para atividades essenciais, como fazer compras ou ir ao médico.
Além do Texas, o estado de Vermont é outro que começa a liberar parte das atividades nesta segunda. O governo estadual autorizou o funcionamento de pequenas empresas do setor de serviços – como escritórios de advocacia e imobiliárias –, desde que seja mantido um limite de apenas duas pessoas no local. Trabalhadores da construção civil também poderão voltar ao trabalho, também mantendo o limite de apenas duas pessoas nas obras.
A Califórnia, estado tem que representa quase 15% da economia americana e um dos primeiros a restringir a circulação das pessoas, ainda não definiu uma data para reabertura. Mas o governo local elaborou um plano em seis etapas para liberar a volta das atividades. Para isso, será necessário implementar testes em massa na população, isolar os casos suspeitos, manter a quarentena para os grupos de risco e continuar evitando a aglomeração de pessoas em bares e restaurantes, por exemplo. O plano está sendo elaborado em conjunto com os estados de Oregon e Washington que, assim como a Califórnia, também ficam na costa do Pacífico.
O governo do estado de Nova York também está elaborando um plano de reabertura em uma força-tarefa com os demais estados vizinhos, como Massachusetts e Pensilvânia. O estado de Nova York concentra a um terço dos casos no país (242.000).
Apesar da diminuição no número de novos casos, a preocupação das autoridades é com uma nova onda da covid-19 se a circulação das pessoas for liberada de uma hora para a outra. Portanto, é preciso estudar que tipo de medidas são necessárias para fazer uma reabertura gradual e evitar que o sistema de saúde seja sobrecarregado.

Postar um comentário

0 Comentários

×