Breaking News

Militares do Brasil vão combater coronavírus


O ministro da Defesa, Fernando Azevedo e Silva, assinou medida, nesta quinta-feira (19), criando a Operação Covid-19, que empregará as Forças Armadas em todo o Brasil, no auxílio aos Estados e municípios no combate ao coronavírus.
Não se trata do emprego de Forças Armadas em Garantia da Lei e da Ordem (GLO), como normalmente ocorre no país.
Trata-se de uma operação “de apoio às ações dos órgãos de saúde e de segurança pública”, destaca a agência Reuters.
Confira outras notícias do Brasil e do mundo sobre a pandemia de coronavírus:

A Holanda anunciou nesta quinta-feira um boletim em que são contabilizados 409 infecções e 18 mortes pelo novo coronavírus em 24 horas, em meio a críticas contra o governo por não decretar isolamento da população para frear os contágios.

Os prefeitos das zonas mediterrâneas, incluindo a Ilha de Córsega, isolaram as praias, em medida semelhante à adotada pouco antes na Bretanha. O delegado da região de Provença-Alpes-Costa Azul, Pierre Dartout, afirmou que havia muitas pessoas, inclusive, formando grupos, circulando no litoral local.

O presidente do Chile, Sebastián Piñera, anunciou nesta quinta-feira um programa de US$ 11,75 bilhões, equivalente a 4,7% do PIB chileno, para mitigar o impacto da pandemia de coronavírus na economia.

Hoje na Argentina jornais impressos de circulação nacional decidiram unificar suas capas em combate à disseminação do novo coronavírus. A ação faz parte da campanha #SomosResponsables, que visa conscientizar a população acerca das medidas de prevenção e combate à pandemia.

Postar um comentário

0 Comentários