Flamengo aguarda resultado de testes para coronavírus com apreensão


Está previsto para sair nesta segunda-feira o resultado dos testes para o novo coronavírus a que foram submetidos jogadores, funcionários e dirigentes do Flamengo. O clima é de apreensão, desde que o vice-presidente de embaixadas e consulados, Maurício Gomes de Mattos, testou positivo para o Covid-19.
Mattos esteve com o presidente Rodolfo Landim na viagem do dirigente à Espanha e fez parte da delegação rubro-negra que viajou para a Colômbia para a estreia do time na Libertadores.

Os testes foram realizados na sexta-feira. Quem esteve mais próximo do dirigente se preocupa mais, caso de Landim, que não foi ao Maracanã para acompanhar a partida contra a Portuguesa e deve perder a reunião de hoje na Federação de Futebol do Estado do Rio para tratar do futuro do Campeonato Estadual diante do avanço do coronavírus.
No sábado, o técnico Jorge Jesus confirmou que dentro do departamento de futebol existe a preocupação, pela consciência de que tiveram contato com uma pessoa com o novo coronavírus.
— O Flamengo no momento é uma equipe que está no risco. A gente teve contato com uma pessoa, não sabemos o que pode acontecer. Espero que este tenha sido o último jogo dentro dessa situação — disse o português.
O Flamengo, depois do período em que esteve com Mattos, atuou contra a Portuguesa no Maracanã e, em caso de positivo para algum jogador que esteve em campo sábado, existirá também a possibilidade de algum jogador do time da Ilha do Governador ter sido infectado.


Depois de divulgar que os treinos das categorias de base seriam interrompidos por causa do coronavírus, o clube publicou nota no site oficial informando que os trabalhos estavam mantidos.
×