Associação de lojistas contesta alta de vendas no Natal

 
A Ablos (Associação Brasileira dos Lojistas Satélites) contestou por meio de nota à imprensa neste sábado (28.dez.2019) dados divulgados na 5ª feira (26.dez) que apontaram crescimento de 9,5% nas vendas de Natal em 2019. A associação afirma que a estatística publicada não teria validade científica. Seria “mera” estimativa.

Segundo a Alshop (Associação Brasileira de Lojistas de Shopping), as vendas de Natal cresceram 9,5% nos shoppings na comparação com 2018. O crescimento foi o maior desde 2014 de acordo com os números agora contestados pela Ablos.
Entendemos que tal informação não passa de mera estimativa, visto que não houve nenhuma pesquisa técnica como informam, não existindo assim uma fonte legal e de credibilidade que possa dar suporte a tais informações”, escreveu na nota.
Segundo o presidente da associação, Tito Bessa Junior, o resultado seria digno de comemoração caso o levantamento fosse feito de forma mais confiável.
“Gostaríamos de estar comemorado tal feito, mas infelizmente não aconteceu, trata-se de informações meramente especulativas sem nenhum critério técnico”, declarou o empresário.
A Ablos tem 100 marcas associadas que representam 5.000 pontos de vendas, sendo a grande maioria (95%) em shopping centers. Foi criada em fevereiro deste ano para representar as lojas satélites, que tem mais de 180 metros quadrados. Segundo o grupo, há mais de 70 mil lojas deste tipo que geram cerca de 1,2 milhão de empregos diretos e 3 milhões indiretos.

×