Header Ads

Desafio 27 Dias Para Secar

Breaking News

A terrível destruição depois da passagem do furacão Dorian pelas Bahamas, em vídeo

A terrível destruição depois da passagem do furacão Dorian pelas Bahamas, em vídeo

Inclusive antes de tocar terra, estava claro que as Bahamas nunca mais seriam as mesmas após a passagem do furacão Dorian. Agora, após 36 horas de fortes ventos e ondas do furacão de categoria 5, o mundo está vendo pela primeira vez como foi essa transformação devastadora: contêineres abertos como latas, casas destroçadas e barcos dezenas de metros terra adentro dos portos mais próximos.


As imagens aéreas foram tomadas por caçadores de tempestades que sobrevoaram Ábaco, a primeira ilha a ser assolada pelo furacão. Eles informaram que as condições eram difíceis e que ainda sopravam ventanias da ordem de 120 km/h quando decolaram da ilha.




Dorian foi o furacão mais forte da história a golpear as Bahamas. Seus ventos atingiram um máximo de 298 quilômetros por hora, o que deixou Dorian empatado no segundo lugar como o furacão mais forte já registrado no oceano Atlântico. Só o furacão Allen de 1980, que teve ventos que chegaram a 305 km/h, foi mais forte.


De certo modo, isso o coloca para além de sua classificação de categoria 5. Estes rankings são cortesia da escala Saffir Simpson, que delineia categorias baseadas no dano estrutural que ocasionarão as diferentes velocidades do vento.