Header Ads

Breaking News

10 erros que irão arruinar estes filmes da Marvel para você

 

Todo filme tem erros de produção e furos de roteiro, sejam eles pequenos ou grandes, e isso é completamente normal em uma indústria tão complexa como é a indústria cinematográfica. Mesmo assim, é divertido apontar alguns erros cometidos, especialmente em filmes tão populares como os do Universo Marvel.
O WhatCulture listou 10 erros dos filmes da Marvel que você provavelmente não percebeu.

O elmo que desaparece – Thor

No primeiro filme do Thor no MCU, temos um erro bem bobo. Na cena em que Loki vai trancar o Bitfrost ao final do filme da Marvel, podemos perceber que ele está carregando o cajado de Odin e seu icônico elmo, mas quando a cena corta e Loki usa a espada de Heimdall para abrir o Bitfrost, o elmo simplesmente desaparece, o que é um claro erro de continuidade da cena.

Grã-Bretanha – Capitão América: O Primeiro Vingador

Capitão América: O Primeiro Vingador tem uma grande parte de suas cenas filmadas em Londres – já que o filme tem muitas cenas na Grã-Bretanha – o que fez com que a Marvel acabasse cometendo alguns erros históricos. Além da bandeira do Reino Unido ter sido feita errada em uma das cenas do filme, os personagens citam o MI6 (serviço de inteligência que não tinha esse nome na época) e o FV432 (veículo de guerra que não havia sido inventado até então).

A dublê de Scarlett Johansson – Os Vingadores

A icônica cena de Os Vingadores em que a Viúva Negra se move mesmo amarrada em uma cadeira tem um erro bem curioso. Em um frame, podemos ver claramente o rosto da dublê de Scarlet Johansson, Heidi Moneymaker, que em seus poucos segundos de aparição se mostra bem mais forte fisicamente do que a atriz principal da Marvel.

F-35B – Os Vingadores

Quando Os Vingadores foi lançado nas plataformas digitais e em DVD, os fãs da Marvel tiveram a oportunidade de analisar o filme frame-a-frame e muitos erros de continuidade foram encontrados. Em um deles, Hulk pula em direção a aeronave F-35B, que possui duas armas que atiram nele neste momento. O problema é que na realidade, a aeronave F-35B tem espaço para uma arma só no mundo real, o que torna essa cena um erro – bem pequeno, mas ainda assim um erro.

Air Force One à prova de balas – Homem de Ferro 3

Outro pequeno erro de factualidade cometido pela Marvel acontece em Homem de Ferro 3, durante a cena do resgate no Air Force One. Nessa cena, a aeronave é baleada diversas vezes, o que acaba destruindo uma das janelas do veículo. Porém, no mundo real as janelas do Air Force One são à prova de balas.

Londres – Thor: O Mundo Sombrio

Em Thor: O Mundo Sombrio, a Marvel retrata Londres de maneira inconsistente mais uma vez. Em uma cena na estação rodoviária de Charing Cross, Thor é informado por um civil que para chegar no bairro de Greenwich ele precisaria passar por mais três estações, o que é totalmente errado já que o local é bem distante de onde Thor estava.
Outro erro da Marvel acontece quando Jane Foster é quase presa por invasão, o que não aconteceria em Londres já que a legislação da cidade diz que a pessoa que comete esse crime deve ser apenas removida em segurança do local.

Washington é Ohio – Capitão América: Soldado Invernal

Outro pequeno erro de continuidade cometido pela Marvel acontece em Capitão América: Soldado Invernal, quando Nick Fury se envolve em uma perseguição de carro pelas ruas de Washington… ou será Ohio? Bem, tecnicamente o filme se passa em Washington, mas a cena em si é filmada em Ohio, o que pode ser percebido pelas placas da cidade de Cleveland mostradas na cena.

Ronan e a dança – Guardiões da Galáxia

Guardiões da Galáxia é um filme amado pelos fãs da Marvel, mas até mesmo ele – um dos melhores do MCU – tem pequenos erros de continuidade. Na icônica cena em que Peter Quill dança para distrair Ronan, o martelo do vilão aparece ao lado esquerdo da sua cabeça, mas quando a cena é cortada para Drax e volta para Ronan, o martelo está do lado direito da cabeça do vilão.

Dois Banners – Vingadores: Era de Ultron

Vingadores: Era de Ultron é outro filme da Marvel com pequenos erros de continuidade, mas um deles é bem gritante. No ato final do filme, quando os Vingadores estão no Quinjet indo para a base de Ultron, temos uma sequência de cortes bem confusa e incoerente. Em poucos segundos podemos ver Bruce Banner no chão, tentando entrar no castelo de Von Strucker mas também podemos ver o herói dentro da aeronave, o que simplesmente não faz o menor sentido.

As Partículas Pym – Homem-Formiga

Aqui a Marvel comete um erro científico. Durante o filme do Homem-Formiga, é explicado que as Partículas Pym, “reduzem o espaço entre os átomos para encolher um objeto e aumentam o espaço para aumentá-lo”, o que é bem incoerente, já que se essa descrição fosse real, o objeto em questão continuaria tendo o mesmo peso, o que impossibilitaria a cena em que o pesado Scott Lang monta em uma leve formiga.
Vingadores: Ultimato segue em exibição nos cinemas. Próximo filme da Marvel, Homem-Aranha: Longe de Casa estreia no dia 4 de julho.