Breaking News

Consegue? Empresa dará US$ 100 mil a quem ficar 1 ano sem usar smartphone

Getty Images/iStockphoto 

Uma empresa norte-americana quer ver se aquelas pessoas que dizem -- sem provas -- serem capazes de ficar um ano sem smartphone estão dizendo a verdade. E vai premiar quem conseguir suportar um ano longe do aparelhinho com US$ 100 mil (o equivalente a R$ 390 mil), algo difícil já que seu uso compulsivo é bastante difundido.

A desafiante é a Vitaminwater, marca da Energy Brands, uma subsidiária da Coca-Cola que fabrica águas com sabor.

Para participar da promoção, o interessado tem de criar um post no Twitter ou no Instagram - o que prova que ele já usava um smartphone antes - e incluir as hashtags #nophoneofayear e #contest. Na mensagem, é preciso dizer o que seria deixado de fora ao evitar manusear por um ano o aparelhinho que já virou um apêndice de muita gente. As inscrições duram até 8 de janeiro de 2019.

A Vitaminwater vai anunciar o selecionado para provar sua força de vontade por volta de 22 de janeiro. A partir daí, ele será transportado para o passado: receberá um celular de 1996; a empresa até pagará a conta no fim do mês, mas, diferentemente dos dispositivos multitarefas de hoje em dia, aparelhos daquela época eram especializados ligações e mal mandavam SMS.

As ironias do desafio não param aí: o participante não poderá usar smartphones, mas mexer em computadores, notebooks e até aparelhos ativados pela voz não será considerada uma infração às regras do desafio.

Nós achamos que não há nada mais entediante do que rolar a tela do seu telefone sem pensar em nada. Isso é uma oportunidade de tomar uma atitude contra a rotina e dar US$ 100 a alguém para fazer algo unicamente sensacional com seu tempo

Natalia Suarez, gerente de marca da Vitaminwater

A declaração dada à CNBC parece descrever os hábitos de qualquer jovem ou adolescente no mundo. Os norte-americanos com idade de 18 a 34 anos, por exemplo, passam entre duas horas e duas horas e meia com o rosto enfiado em seus smartphones, consumindo algum tipo de entretenimento, aponta um relatório da Nielsen.

Sabendo que a tarefa é árdua, a empresa vai dar um prêmio de consolação caso o desafiante resista por apenas seis meses: US$ 10 mil.

A Vitaminwater vai tentar se certificar ao máximo de que o participante está falando a verdade, tanto é que vai submetê-lo a um detector de mentiras.

Os interessados em participar devem ter mais de 18 anos e, infelizmente, morar nos Estados Unidos.