Breaking News

Soluções caseiras que realmente funcionam contra cólica, tosse, dor...

Getty Images 

Apesar de a indústria farmacêutica apresentar novidades o tempo todo, o antigo hábito de recorrer a receitas caseiras para tratar dores, inflamações, tosse e outros incômodos resiste bravamente. Na verdade, ele tem até ganhado força ultimamente e vemos cada vez muitas pessoas que optam por tratamentos naturais, em especial os realizados com plantas e ervas medicinais.

Milhares de espécies já foram estudadas a exaustão e têm seus benefícios reconhecidos mundo afora. Normalmente, elas são indicadas para o alívio sintomático de doenças de baixa gravidade e só devem ser utilizadas por curtos períodos de tempo. Eles jamais devem substituir o tratamento e acompanhamento de um médico especializado.

"Ao optar pelas soluções preparadas em casa, muita gente acha que não precisa ir ao médico. Grande equívoco, pois, muitas vezes, alguns sintomas que parecem simples podem esconder problemas mais graves", alerta Nelson Douglas Ejzenbaum, pediatra, neonatologista e membro da Sociedade Americana de Pediatria.
 
A seguir, mostramos algumas alternativas naturais que realmente funcionam. Mas, lembre-se, é preciso ter bom senso usá-las com responsabilidade. Nenhuma solução caseira substitui um bom médico. 

Aposte no guaco contra catarro e tosse

Daniel Alan Costa, coordenador do curso de pós-graduação em naturopatia da Universidade Paulista (Unip), indica o xarope de guaco para tosse e catarro. "Essa planta tem ação expectorante e fortalece o sistema respiratório", explica.

Em uma panela, coloque 1 xícara (chá) de açúcar e deixe caramelizar. Acrescente um punhado de folhas frescas de guaco três xícaras (chá) de água. Mexa até desmanchar o açúcar e dar o ponto de xarope. Para crianças, a dosagem é uma colher (chá) até três vezes por dia.

Contra a tosse, Catharina Walzberg, naturopata alemã e autora do livro Você Pode Ter Saúde, Basta Querer, também recomenda chá de abacaxi, por ele conter bromelina, uma enzima proteolítica que ajuda a limpar o pulmão. Para o preparo, ferva duas rodelas da fruta em 3 xícaras (chá) de água por 4 minutos. Coe e acrescente 1 colher (sopa) de mel. Beba em seguida.
Use alecrim e eucalipto contra congestão nasal

Para auxiliar tanto as crianças quanto os adultos a respirar melhor, a inalação é sempre uma ótima pedida. A receita sugerida por Costa leva hortelã, alecrim ou eucalipto --você pode utilizá-los separadamente ou misturados. Em um recipiente, coloque água fervente e um punhado de ervas frescas, na proporção 60/40.

"Ao entrar em contato com a água quente as ervas liberam óleos essenciais, que são suas partes terapêuticas", diz o especialista. É preciso respirar o vapor por 10 a 20 minutos. Esse processo pode ser feito duas ou três vezes por dia.
Alivie os gases do bebê com chicória

O funcho e a chicória têm ação antigases e são apontados como ótimos aliados para eliminar desconfortos. Em uma panela, coloque um punhado de cada e água, na proporção 10/90. Ferva durante três a cinco minutos. Desligue e abafe por mais 10 minutos. A dosagem sugerida é de uma a duas colheres (chá) quatro ou cinco vezes ao dia.

André Resende, fitoterapeuta e naturopata, indica outro preparado que ajuda a acabar com as dores provocadas pelos gases. Ele leva 1 colher (sopa) de erva-doce, 2 folhas de louro, 1 colher de colher (café) de noz-moscada ralada e ½ litro de água. Ferva a água e, quando começar a borbulhar, acrescente as ervas. Dê para o bebê 1 colher (sopa) de duas em duas horas.
Invista no calor para driblar cólica (menstrual e de bebês)

A tradicional bolsa de água quente é, sim, uma ótima aliada de quem sofre de cólicas. O calor ajuda a relaxar a musculatura e, consequentemente, diminui a dor. Antes de colocar a bolsa sobre a barriga, envolva-a em uma toalha para evitar queimaduras, especialmente em crianças.

No caso de cólicas menstruais (e somente elas), outra solução e uma infusão de artemísia, que, segundo Costa, é a "erva da mulher". Para prepará-la, leva um litro de água ao fogo e desligue assim que começar a soltar bolhas. Coloque uma colher (sopa) da planta e abafe por 10 minutos. Tome uma xícara, no máximo, duas vezes ao dia.

Reduza dores articulares com argila

A ajuda nos casos de dores articulares, em especial no joelho e no quadril, é um emplasto de argila. Ferva um pouco de água com um punhado de erva anti-inflamatória (unha-de-gato, canela-de-velho ou garra-do-diabo), abafe por 10 minutos e espere amornar. Depois, misture um pouco de argila preta, que tem propriedades anti-inflamatórias (vende em lojas de produtos naturais). Aplique no local da dor e retire quando começar a secar.

Solte o intestino preso com mamão

A indicação para quem sofre com intestino preso é suco de mamão batido com 1 colher (sopa) de farinha de psilium, 1 colher (sopa) de farinha de maracujá e 4 ameixas pretas. Tome de manhã e à noite todos os dias. "Essa combinação age como lubrificante, fazendo com o que intestino funcione de forma natural, sem a necessidade de recorrer a laxantes", finaliza Resende.