Breaking News

Plante e colha os próprios tomates sem agrotóxicos

 

O tomate é rico em vitamina C e licopeno, dois importantes antioxidantes.
Da vitamina C muito já se falou e quase todos sabem da sua importância para aumentar a imunidade e prevenir gripe e infecções.
E o licopeno?
O licopeno é a substância que dá a cor vermelha ao tomate, à cenoura, à goiaba, ao mamão, à melancia e a outros alimentos com essa cor.
É uma substância antioxidante que, quando absorvida pelo organismo, minimiza a ação dos radicais livres nas células.
Muitas pesquisas mostram o licopeno com propriedades para diminuir o risco de câncer de próstata e de doenças cardiovasculares.
O licopeno contribui também para atrasar o envelhecimento da pele e, por isso, auxilia no combate aos males dos raios ultravioleta.
É graças a esse nutriente que existem pesquisas indicando a capacidade de o tomate reduzir em até 50% o risco de câncer de próstata.
Há também estudos que dão ao licopeno o status de atuar contra tumores de esôfago, pele e pulmão.
O suco de tomate tem em torno de 150mg de licopeno por litro.
A quantidade de 30 mg já traz benefícios ao nosso organismo.
O tomate, portanto, é uma importante fonte de licopeno.
O problema é que o tomate é um dos vegetais mais contaminados por agrotóxicos.
Mas por causa disso vamos deixar de comer tomate?
De maneira alguma!
Existe solução para tudo.
E uma boa solução para este caso é você mesmo(a) plantar o seu tomate.
Não tem espaço na sua casa ou você mora em apartamento?
Isso não é problema.
Vamos uma ensinar uma técnica supersimples que vai lhe possibilitar plantar pés de tomate em garrafas PET de 2 litros.
Cada 100 g de tomates maduros contêm de 3,1 mg a 7,7 mg de licopeno.
Ou seja, falta de espaço não é mais desculpa.
Vejo o vídeo abaixo, com todo o passo a passo da técnica.
Ele está em espanhol, mas é muito claro.
E complemente o vídeo com nossa explicação em português, logo abaixo.




Para plantar seu tomateiro, você vai precisar de:
• 1 garrafa de 2L de refrigerante.
• 1 pequeno pé de tomate (você pode plantar sementes em um pequeno vaso para obter sua muda).
• Água.
• Terra fértil.
• tesoura ou faca.
• Filtro de café.
• Um pauzinho, espeto ou palito de madeira para churrasco, com pelo menos 8 centímetros de comprimento.
• Arame ou barbante para pendurar a garrafa.
• Algo para fazer o furo (parafuso ou outro objeto pontiagudo).
• Fita isolante ou tecido escuro.
Agora o passo a passo:
1. Lave bem a garrafa PET de 2 litros.
2. Corte a parte de baixo da garrafa.
3. Encaixe a parte da garrafa que foi cortada no interior da parte de cima.
4. Com a parte inferior dentro da garrafa, faça dois furos (com um parafuso) nas laterais para encaixar um palito.
Os furos devem ficar no mesmo alinhamento, pois o palito vai atravessar de um a outro (veja o vídeo).
5. Faça dez ou mais fusos (com um parafuso) na parte inferior da garrafa (veja o vídeo).
Este é o distribuidor de água.
6. Selecione uma pequena muda de tomate.
7. Pegue um filtro de café.
8. Faça um furo no filtro a partir da borda para o centro.
9. Através desse furo, passe a planta pelo centro do filtro (ver vídeo e foto).
10. Envolva o filtro delicadamente em torno da base da muda, cobrindo a terra.
11. Com cuidado, coloque a muda de tomate através do gargalo da garrafa.
Use o palito de madeira para ajudar a levantar a planta através da abertura em caso de necessidade.


12. Vire a garrafa de cabeça para baixo e encha com terra.
Não se esqueça de deixar espaço para o dispensador de água/tampa.

13. Passe o pauzinho através dos furos laterais.

14. Use um arame para pendurar a planta.

15. Coloque água no distribuidor – não se preocupe com a dengue: a água vai escorrer para fora do gargalo da garrafa.

16. Pendure seu vaso de tomate e aguarde os frutos!

17. Para proteger as raízes delicadas do tomateiro da luz, você deve cobrir a garrafa com fita adesiva/ isolante ou com um tecido escuro.
OBSERVAÇÕES
1. A planta vai crescer para baixo;por isso é importante pendurá-la em algum lugar fora do caminho.
2. Coloque numa posição em que a planta receba muito sol.
3. Mantenha o distribuidor com meio caminho da água.
4. Verifique se o arame ou fio é resistente, pois a planta fica pesada quando começa a dar frutos.