Breaking News

Band abre temporada de debates na TV com presidenciáveis. Veja calendário

Debate presidencial nas eleições 2014, na Band . | Arquivo/ Gazeta do Povo 

Candidatos participarão de nove debates em rádio e TV ao longo do primeiro turno. O último será realizado pela TV Globo, três dias antes da eleição

Os candidatos à Presidência da República vão participar, nesta quinta-feira (9), do primeiro debate da campanha eleitoral de 2018, na TV Bandeirantes. O encontro está marcado para começar às 22h15 e será mediado pelo jornalista Ricardo Boechat. Oito dos 13 presidenciáveis que confirmaram candidatura participarão do debate: Alvaro Dias (Podemos), Cabo Daciolo (Patriota), Geraldo Alckmin (PSDB), Marina Silva (Rede), Jair Bolsonaro (PSL), Guilherme Boulos (PSOL), Henrique Meirelles (MDB) e Ciro Gomes (PDT).

O segundo semestre será uma verdadeira maratona para os postulantes à vaga de presidente e governador, até mesmo na televisão. Apenas em agosto, os candidatos terão ao menos dois encontros para discutir propostas e trocar as já esperadas farpas. Band, com a condução de Ricardo Boechat, e RedeTV!, com a intermediação de Boris Casoy, Amanda Klein e Mariana Godoy, definiram as datas para os seus debates: 9 e 17 de agosto, respectivamente.
A Band, como já é tradição, deve abrir os debates na TV com um confronto entre os presidenciáveis no primeiro turno. No dia 17, eles voltam a se enfrentar na RedeTV!, se o planejamento der certo.

No dia 16, a Band promove, em todas as capitais, os debates entre os candidatos a governo do estado. Eles se encontrarão de novo na RedeTV! no dia 24 de agosto.
No segundo turno, o primeiro debate entre os presidenciáveis na Band deve ocorrer dia 11 ou 12 de outubro, e no dia 15 de outubro na RedeTV!. Já os candidatos a governador que chegarem ao segundo turno se encontrarão na Band no dia 17 e na RedeTV! dois dias depois.


Candidatos à presidência

A legislação eleitoral determina a obrigatoriedade das presenças de candidatos cujos partidos tenham eleito ao menos cinco parlamentares no Congresso Nacional na última eleição. Mas as emissoras de TV podem convidar outros candidatos que não atendam a esse pré-requisito se julgar importante a presença deles no debate.