Breaking News

Deu zebra! Zoológico tinge burro com listras pretas e é denunciado por visitante

Jardim zoológico que pintava burro i idêntico a uma zebra foi denunciado por visitante que identificou tintura no animal 

Um jardim zoológico foi denunciado por pintar um burro com listras pretas para que ficasse parecido com uma zebra. De acordo com informações do The Sun , a ação foi descoberta pelo estudante Mahmoud A. Sarhani, de 18 anos, que estava visitando o zoo na capital do Egito, Cairo.
O estudante informou que chegou ao jardim zoológico recém-inaugurado no Parque Municipal International Garden, no último sábado (21), e foi até a ala das zebras, encontrando uma que o deixou bastante intrigado, afinal, tinha características nada convencionais para a espécie. À mídia local, Sarhani explicou que, ao chegar mais perto do animal, desvendou por que o animal não possuía a crina presente nos mamíferos nativos da África Central, e ainda observou que possuía orelhas muito compridas, o que também não é comum no grupo dos equídeos. “Então vi que, enfim, era um burro”, contou.
Em suas redes sociais, o adolescente publicou as fotos da falsa zebra , e o post rapidamente se tornou viral na internet. Devido à repercussão do caso, veterinários locais foram até o zoo para examinar o animal e puderam constatar que, de fato, era um burro de coloração clara, com listras pintadas com tinta preta.


Procurado pela imprensa, o diretor do zoológico, Mohamed Sultan, se posicionou sobre o ocorrido, negando que o animal tenha sido tingido pelos funcionários. Sultan defendeu que “o mascote do parque não é um impostor”.

Vale mencionar que esse não é o primeiro caso envolvendo burros, zebras e tintas. Em 2009, um zoológico na província de Gaza, em Moçambique, pintou dois burros para que substituíssem um par de zebras que morreu de fome no local.

No período em que esse parque foi denunciado por maus-tratos aos animais , a imprensa local informou que os burros eram pintados com tinta para cabelos “porque Mohammed Bargouthi, dono do zoológico, afirmou não ter dinheiro suficiente para contrabandear uma zebra verdadeira”.

Em entrevista a portais africanos, o filho de Bargouthi, Nidal, admitiu que “fizeram ‘ajustes’ para que os burros ficassem parecidos com as zebras falecidas, e que, para eles, estava tudo bem, já que as crianças não sabiam diferenciar os animais e estavam felizes com a versão criada pelo parque”. O jardim zoológico de Gaza foi fechado em 2016.